As vantagens da filtragem eletrostática

Posted in: 13/07/2020


As vantagens da filtragem eletrostática

A filtragem eletrostática do ar em equipamentos de climatização para aplicação não hospitalar (residencial, supermercados, escritórios, hotéis etc.) é uma solução técnica consensual devido às grandes vantagens na sua utilização sem inconvenientes conhecidos.

Embora não disponível em grandes fabricantes de alguns produtos (por exemplo rooftops); esta solução técnica disponível há muitos anos em vários produtos da Clivet merece nova reavaliação na crise atual.
A filtragem eletróstática é uma tecnologia madura podendo ser utilizada em muitos equipamentos de climatização na filtragem fina terminal após o pré-filtro substituindo os filtros F7, F8 ou F9 (ISO PM1 60-90% segundo a norma EN ISO 16890).

As 3 principais vantagens da filtragem eletrostática são:

1) Maior qualidade do ar interior devido a uma filtragem mais fina do ar.
A eficácia da filtragem do ar aumenta significativamente face aos habituais filtros terminais F7-F8-F9 (ISO PM1 60-90% segundo a norma EN ISO 16890). A sua eficácia de filtragem do ar varia entre 98,5% e 99,9%.

2) Maior eficiência energética.
A ventilação está quase sempre em funcionamento sendo muitas vezes o maior consumidor elétrico do sistema de climatização (por exemplo funcionamento em regime de free-cooling etc). A redução dos consumos elétricos de ventilação é assim uma prioridade para a sustentabilidade dos edifícios.
A perda de carga dos filtros eletrostáticos é quase nula e significativamente inferior aos habituais filtros do tipo F7-F8-9 (ISO PM1 60-90% segundo a norma EN ISO 16890). Isto significa que a ventilação de unidades com filtros eletróstaticos instalados consome muito menos energia elétrica gerando uma poupança na fatura de eletricidade e ao mesmo tempo uma redução das emissões de CO2.

3) Menores custos de manutenção.
Os filtros F7 a F9, sejam eles planos ou de bolsa, necessitam ser trocados ao fim de pouco tempo consoante a aplicação em que estão inseridos. Embora na maioria dos casos, estes filtros sejam substituídos uma à duas vezes por ano; existem aplicações que requerem a sua substituição até 4 vezes. Em comparação, a manutenção dos filtros eletrostáticos não requer a sua substituição e eles são totalmente reutilizáveis após uma lavagem regular dos mesmos.

Do ponto de vista económico, uma solução de filtragem eletrostática do ar é ligeiramente mais cara na aquisição do que os filtros F7 a F9 tradicionais. No entanto, as poupanças geradas na ventilação e na manutenção permitem um retorno do investimento em muitos casos inferior a 5 anos com a mais valia de uma eficácia superior na filtragem do ar e a utilização de uma solução mais sustentável.

No recente documento técnico genérico da Clivet em anexo são apresentadas as vantagens da filtragem do ar com filtros eletrostáticos.

Clivet – Technical Focus – Air quality and purification

Contacte-nos para conhecer melhor estas e outras soluções técnicas da Clivet.